5 utensílios cozinha trouxe do brasil irlanda dublin intercambio mudanca exterior
Vida na Irlanda, Vídeos

{Vídeo} 5 utensílios de cozinha que trouxe do Brasil para a Irlanda

Quando decidimos nos mudar para a Irlanda (Europa), uma das decisões difíceis foi: o que vamos levar na nossas malas? O espaço era limitado e obviamente precisamos vender praticamente todas as coisas do nosso apartamento.

Chegando aqui, a gente descobriu que não precisava ter trazido tal coisa e que deveria ter trago outra. É assim com todo mundo que decide fazer intercâmbio e se mudar de país, não há como evitar…

Que tal ver os 5 utensílios de cozinha que eu trouxe do Brasil para a Irlanda e não me arrependo ou que eu tive que pedir para alguém trazer para mim depois que eu já estava aqui? Confira no vídeo abaixo:

1º item de cozinha que trouxe Brasil –> Irlanda: Jarra grande da Tupperware

A gente sempre recebe uma galera aqui em casa e como toda boa reunião entre amigos, a comida não pode faltar. Ah, e uma boa dose de suco também!

Os sucos em caixinha são muito prático para essas ocasiões e aqui em Dublin (Irlanda) eles são beeeem baratos. Mas e quando dá vontade de tomar aquele delicioso suco natural de abacaxi com hortelã ou uma limonada? Não tem jeito, você precisa daquela jarrona da casa da mãe para servir todo mundo.

Aliás, uma curiosidade da vida na Europa… Nos restaurantes daqui de Dublin (e Irlanda em geral) eles não servem sucos frescos e naturais. Sabe aqueles sucos de morango, laranja, cupuaçu e por aí vai? Vai sonhando… (ou faz em casa com as opções de frutas daqui).

Acontece que aqui essas jarras de plástico de boa qualidade não são facilmente encontradas. Então, na minha visita ao Brasil, encomendei da minha sogra uma linda jarra da Tupperware. Aliás, ela nos deu de presente, valeu sogra! Agora, nas festinhas e encontros aqui em casa, a danada da jarra salva a nossa pele. Haja limonada!

2º item de cozinha que trouxe Brasil –> Irlanda: Panela de Pressão

Vocês sabiam que aqui na Irlanda (e acho que na Europa como um todo) as pessoas são muito práticas? Aquelas tarefas básicas do dia a dia são muito mais rápidas porque eles se preocupam em vender produtos prontos para o uso. Por exemplo, a esponja de aço para lavar panelas já vem divididas em pequenos pedaços para e com sabão!

Eu fiquei muito surpreendida no começo com essas facilidades. E isso se estende para as comidas também. Por exemplo, você pode comprar a salada em pequenos sacos plásticos e ela já vem lavada e picada. Você pode comprar o queijo ralado. O feijão e outros grãos já vem em latas, cozidos. E por aí vai…

Só que com essa história do feijão já vir pronto, quase ninguém cozinha ele em casa e panela de pressão aqui é uma raridade. E a gente, como bons brasileiros, gostamos daquele feijão fresquinho que lembra a comida da vovó. Então, eu fui atrás de uma panela de pressão e fiquei abismada com os preços. A mais barata custava 50 euros e isso é muita grana! Com 50 euros eu posso comprar passagem de ida e volta para visitar outro país ou posso comprar 5 brusinhas lindas. Se tá é maluco? rsrsrs

Nossos amigos estavam vindo do Brasil para passar uns dias na Europa e a mala deles veio com bastante espaço. Eles foram SUPER queridos e trouxeram a nossa panelinha de pressão e mais umas paçocas. Foi pura alegria!

3º item de cozinha que trouxe Brasil –> Irlanda: Pote de marmita da Tupperware

Levar marmita para o trabalho sai bem mais em conta do que almoçar fora todos os dias… No Brasil a gente sempre levou marmitinha para o trabalho e esse foi um costume que mantivemos aqui em Dublin.

Os potes da Tuppeware para microondas são muito úteis e tem o tamanho certinho para as nossas comidas. Para levar ao microondas, basta levantar a tampinha branca. Já cozinhamos até batata doce nele! Gente, e eu realmente gosto dessa marca, não to ganhando nada deles para falar isso, ok? Mas bem que eu poderia né? kkkk

4º item de cozinha que trouxe Brasil –> Irlanda: Pipoqueira

Quem aqui ama pipoca levanta a mão… Gente, se vocês pudessem experimentar a pipoca doce que o Robert faz (receita da família)… Nossa, certeza que iriam amar! E aqui a gente nunca encontrou a tal da pipoqueira para fazer as deliciosas pipocas.

Então, quando fomos ao Brasil, trouxemos a melhor pipoqueira do mundo, de aço batido. Agora, o Robert é reconhecido (por mim) como o “Rei das Pipocas”.

4º item de cozinha que trouxe Brasil –> Irlanda: Processador manual da Tupperware

Esse é o meu item preferidinho e eu trouxe ele comigo do Brasil na nossa vinda para a Irlanda. Não abro mão dele por NADA!

A minha sogra me deu ele de presente de aniversário e eu sempre achei ele muito útil. Dá para picar tudo, como tomate, cebola, castanhas. E é super fácil de lavar e pequeno, cabe em qualquer cantinho da cozinha. Ele não é muito barato, mas é o tipo de compra que vale a pena, sabe?

Esses foram os itens de cozinha que trouxe do Brasil para Irlanda e os quais não vivo mais sem!

Quais itens de cozinha você traria caso decidisse fazer um intercâmbio?

Previous Post

Posts relacionados

  • Ain…amei gente…bom saber e interessante, muito…aaa aqui tá inverno, 17 graus pra gente já é frio, imagina só ai no inverno hahahaa
    Adorei tudo e as fotos nem se fala né
    bjs

    • ap202blog

      Ai que legal que curtiu! 17 graus é o verão daqui kkk Mas a gente acostuma, no começo é mais complicado, mas depois vc começa achar normal rsrs. Beijs!